Vázquez e Asensio brilham e Real Madrid faz dever de casa contra o Celta

Após terminar 2020 com um tropeço, clube merengue derrotou o time que era a grande sensação nos últimos jogos da LaLiga com uma atuação segura, mas sem grande brilho

O Real Madrid literalmente começou o novo ano com o pé direito. Neste sábado (2), no Alfredo Di Stéfano, o clube merengue derrotou o embalado Celta de Vigo pelo placar de 2 a 0, resultado que colocou o time, por ora, na liderança provisória da LaLiga.

Bastante criticado pela pouca produção ofensiva na temporada, Marco Asensio foi responsável por um gol e uma assistência, assim como Lucas Vázquez, que fez o mesmo na partida.

Com 36 pontos ganhos, o Madrid seca seu rival Atlético Madrid, que com 35 pontos, entra em campo neste domingo (3). Entretanto, os colchoneros possuem duas partidas a menos.

Um ataque, um gol

No primeiro ataque merengue, aos 6 minutos, Asensio recebeu lançamento em profundidade na esquerda e cruzou na cabeça de Vázquez, que só teve trabalho de empurrar para as redes: 1 a 0.

Vázquez aproveitou cruzamento de Asensio e abrir o placar. (Foto: Oscar Del Pozo/AFP via Getty Images)

O Celta de Vigo ficava com a bola a maioria do tempo na primeira parte, encontrou bastante dificuldade para furar o sistema defensivo merengue, que hora defendia com uma linha de cinco, hora uma linha de quatro jogadores.

Sem muito empenho, emoção ou brilho na etapa inicial, o Celta conseguiu uma finalização, mas sem grandes sustos para Courtois. Situação semelhante com os merengues, que finalizou outras três vezes, mas sem perigo para Blanco.

Na continuidade do confronto após o intervalo, o Real Madrid manteve sua postura de esperar um erro do adversário e criar situações de dificuldade na saída de bola do Celta. E o erro aconteceu com Murillo.

Troca de presentes

Aos 53, o colombiano tentou passe arriscado no meio, mas, que foi interceptado por Modric e sobrou para Casemiro lançar Vazquez em profundidade na ponta direita e retribuir o presente para Asensio, na marca do pênalti deslocar Blanco e aumentar o placar: 2 a 0.

Sem Iago Aspas, seu melhor jogador, que saiu lesionado, o Celta não teve capacidade para reagir. O Real Madrid, por sua vez, acabou retendo a posse e com Zidane mexendo e dando minutagem para alguns jogadores no início de ano.

Ficha Técnica
Real Madrid 2×0 Celta de Vigo
Data: 2 de janeiro de 2021, sábado
Local: Estádio Alfredo Di Stéfano, Madri
Gols: Vázquez 6′, Asensio 53′

Real Madrid: Courtois; Carvajal (Vinicius Jr), Varane, Nacho e Mendy; Casemiro, Kroos (Valverde) e Modric (Ødegaard); Vázquez, Asensio (Hazard) e Benzema (Mariano); Técnico: Zinedine Zidane

Celta de Vigo: Blanco; Mallo, Araújo, Murillo e Olaza; Tapia, Brais Méndez, Denis Suárez e Nolito (Baeza); Aspas (Beltrán) e Santi Mina; Técnico: Eduardo Coudet