Tempestade de neve impede avião do Real Madrid de decolar

Avião do Real Madrid é impedido de decolar por causa da tempestade de Neve

TIME AGUARDou MAIS DE DUAS HORAS NA PISTA PARA PODER DECOLAR; TEMPESTADE DE NEVE TOMOU CONTA DE MADRID

Uma tempestade de neve impediu por três horas o avião do Real Madrid de decolar rumo a Pamplona onde a equipe enfrenta o Osasuna neste sábado (9) pelo Campeonato Espanhol. O Aeroporto Madrid-Barajas “Adolfo Suárez” teve seus voos adiados nesta sexta (8) devido a neve que tomou conta da pista e do teto de aeronaves. e por volta das 22 horas fechou suas atividades por não ter condições de operar voos, mas o avião da equipe merengue conseguiu uma exceção e decolou.

A tempestade denominada “Filomena” está cobrindo capital espanhola de neve há dois dias, a intensidade é tanta que o principal aeroporto da cidade precisou suspender seus voos nesta sexta, adiando e cancelando os itinerários. Real Madrid embarcou para Pamplona onde enfrenta o Osasuna, mas o Athletic Bilbao não chegou a capital para enfrentar o Atlético de Madrid também no sábado (9).

Zidane falou em coletiva sobre o duelo deste sábado (9).

A equipe merengue treinou sob neve na manhã desta sexta (8) e se preparou para embarcar rumo a Pamplona, onde enfrenta o Osasuna no sábado. A decisão foi tomada seguindo orientação da LaLiga, que previu uma tempestade ainda pior na capital espanhola no dia 9, o que impediria a decolagem – fato que aconteceu já nesta sexta.

Até o momento de finalização dessa publicação a LaLiga não se pronunciou sobre adiamento da rodada.