Real Madrid bate seu recorde de passes trocados na temporada 2019/20

Zinedine Zidane colocou em campo, nesta quarta-feira contra o Valencia, um time diferente: 4-5-1, sem nenhum atacante “de lado” e com Casemiro, Toni Kroos, Fede Valverde, Luka Modric e Isco formando o meio-campo. O intuito do treinador francês com esse esquema claramente era de ter o controle do jogo, dominar as ações e ficar com a bola. E conseguiu tudo isso. Tanto é que a equipe madridista bateu o seu recorde de passes trocados (798) na temporada, superando os 796 contra o Galatasaray pela UEFA Champions League.

O meio-campo preenchido proporcionou o alcance deste numerário, mas, além disso, os três tentos merengues na partida saíram dos pés de três meias: Kroos, Isco e Modric, respectivamente. Os dois primeiros jogadores citados ainda foram os que mais tiveram passes certos no duelo, com 102 para Kroos e 96 para Isco, ajudando o time a terminar o duelo com 61% de posse de bola.

Foto: AFP/Giuseppe Cacace