Benzema brilha outra vez e Real Madrid derrota Espanyol

Os mais de 64 mil torcedores que estiveram presentes no Santiago Bernabéu neste sábado (7), acompanharam mais uma tarde inspiradora de Karim Benzema, que com um gol e uma assistência dada a Raphael Varane, ajudou o Real Madrid a vencer o Espanyol por 2 a 0 pela 16° rodada da La Liga.

O artilheiro da competição chegou aos 11 gols marcados nesta edição e fez com que o clube merengue jogasse a responsabilidade para o Barcelona. Com a vitória, o Real Madrid alcança os 34 pontos e é líder provisório até a definição da partida dos culés, que enfrenta o Mallorca.

Na próxima semana, os comandados de Zidane enfrentam o Brugge pela última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões e no próximo domingo (15), o clube da capital encara o Valencia, fora de casa pela competição nacional.

O Real Madrid foi superior na partida, seja em posse de bola, finalizações e chances claras de gol. Entretanto, o placar só não foi mais elástico por conta da grande atuação do ex-goleiro merengue, Diego Lopéz, que somou seis defesas importantes.

Apesar de superior, o time da capital espanhola não começou tão bem como se imaginava e por momentos, esteve preguiçoso. Criou oportunidades com Vinicius Jr, mas foi ameaçado com a finalização de Wu Lei que obrigou Courtois a fazer grande defesa.

Mas a condição de favorito para vencer o vice-lanterna da competição surgiu aos 37 minutos do primeiro tempo. Karim Benzema recebeu passe na meia lua e cercado por três marcadores, conseguiu achar um grande passe para Raphael Varane na área e de perna esquerda, finalizar no canto direito de Diego Lopéz: 1 a 0.

Varane comemora seu gol que abriu o placar na partida.
(Foto: Perez Meca/MB Media/Getty Images)

O segundo tempo veio e nada mudou em relação a etapa inicial. Os comandados de Zidane ainda viam que a partida não ofereciam muito perigo e mantiveram o ritmo sonolento, mas acumulando oportunidades atrás de oportunidades, embora que perdidas ou defendidas pelo goleiro do Espanyol. Mas o resultado foi decretado quase no fim da partida e com ele, sempre ele: Karim Benzema.

Aos 79 minutos, o atacante francês recebeu a bola na ponta direita, avançou e esperou a ultrapassagem de Valverde. O uruguaio entrou na área e na espera da movimentação do camisa 9, deu o passe quase na marca do pênalti e finalizou antes que o zagueiro travasse o chute: 2 a 0 e 11° gol do artilheiro.

Antes do apito final, o lateral esquerdo Mendy foi expulso por dar uma entrada forte no adversário, e por já ter um cartão amarelo, ganhou o segundo e deixou o time com um a menos nos minutos restantes, mas nada que impedisse a vitória merengue e que fizesse disparar na liderança da competição.

Anúncios