Casemiro aponta momento delicado do time: “Não há desculpas”

Pouco tempo depois do vexame nesta quarta-feira (18), onde o Real Madrid estreou perdendo para o PSG por 3 a 0 na fase de grupos, o volante Casemiro tentou explicar o que havia acontecido com o time. Detalhe importante é que os merengues não perdiam em estreias há doze temporadas.

O brasileiro foi o escolhido para abrir as séries de declarações para buscar um motivo que explicasse a derrota, mas preferiu não dar desculpas e aceitar as condições que o clube está passando.

Confira o que disse o camisa 14:

Análise: “A verdade é que não jogamos bem. Eles tiveram o controle da partida e claro, sabemos que aqui sempre é muito complicado. Eles são muito fortes, possuem grandes jogadores e não tem desculpa. Precisamos seguir trabalhando, ainda resta muito tempo para mudar isso”.

Faltou agressividade? “Não, sempre tentamos ser agressivos, mas é claro que quando o resultado é 3-0, sabemos que as coisas são mais visíveis. Sabemos que se não fizermos uma partida quase perfeita aqui, você não ganha. Há muito tempo para mudar isso”.

Nenhum chute no gol: “Tivemos oportunidades. Marcamos dois gols que não valeram, mas acredito que agora não há desculpa. Não jogamos bem. É um momento delicado para falar, mas estamos trabalhando e estamos na hora de mudar isso”.

(Foto: Divulgação/TF-Images )