Mayoral: “O Madrid é minha vida, não havia como comemorar o gol”

Borja Mayoral, autor do primeiro gol do Levante na vitória do Real Madrid por 3-2 pela quarta rodada da La Liga foi um dos jogadores que falaram com a imprensa após a partida. O espanhol, que ainda pertence ao Real Madrid e está emprestado no Levante valorizou a luta dos Granotes, relatou sobre a sensação de marcar no Santiago Bernabéu com outra camisa, além de outros detalhes.

Segundo tempo

“Depois do intervalo foi uma partida diferente. No primeiro tempo nos pressionaram muito na frente, mas quatro coisas que o técnico (Paco López) disse e o que nós vimos nos fez sair com outra mentalidade e estivemos muito perto de conseguir a vitória.”

O que o técnico falou?

“Bom, que tirássemos a pressão, que parecia que o mundo ia cair, e bom, reagimos muito bem.”

Primeiro tempo

“O Madrid saiu com tudo e com muita vontade. Nos faltou esse ponto que não encontrávamos, dar 3 passes. No final, felizes pela segunda parte, embora tenhamos jogado o primeiro tempo fora um pouco.”

Quase um empate nos últimos minutos

“Courtois fez uma grande defesa para evitar o 3-3 e lhe dei os parabéns.”

O gol e o gesto de não comemorar

“O Madrid é minha vida, joguei 11 temporadas em todas as categorias de base e não havia como comemorar esse gol. Feliz pelo primeiro gol na Liga.”

Anúncios