Ten Hag admite: “Tiramos o máximo de proveito do Ramos não estar jogando”

Erik Ten Hag não escondeu sua satisfação de ter conseguido o feito de tirar o Real Madrid da Champions League nesta terça-feira (5) após golear o time merengue pelo placar de 4 a 1 em pleno Santiago Bernabéu. “É uma vitória histórica do Ajax, quase ninguém acreditou em nós”.

Depois das primeiras palavras, o técnico holandês comentou sobre a classificação, a condição do time na competição e também argumentou em relação a ausência de Sergio Ramos na partida.

Confira as declarações:

Classificação: É uma vitória histórica, de valor incrível, impensável. O plano que tínhamos era ter posse, para incomodar o Madrid no jogo deles. Nós defendemos incrivelmente bem, muito alto. Nós fizemos ótimas transições. Tudo correu extraordinariamente bem. Em repouso, sabíamos que não estava terminado, que eles correriam mais riscos. Todos os meninos jogaram fantasticamente. Estou muito feliz pelo Ajax e pelo futebol holandês. Agradecemos à Federação por nos dar descanso, é uma noite fantástica. É especial porque, no contexto atual, o dinheiro mudou muitas coisas e isso faz com que esse sucesso seja mais especial na história de um clube que conquistou grandes feitos.

O VAR: “Vi que estava na linha, mas tivemos que esperar, desta vez foi a nosso favor, foi um momento tenso.”

Incrédulos: Haviam 4.000 fãs que acreditavam, mas nós pensamos que é muito importante para o futebol holandês esse feito. Há muito tempo que uma equipe holandesa não vai tão longe. Estou muito feliz pelos fãs.

Solari, falou no final: “Ele me parabenizou, me disse que jogamos muito bem.

Futuro: “Você tem que viver o presente, o dia de hoje foi especial… A temporada é muito boa, as recompensas virão no final. Uma coisa de cada vez. Eu queria que os jogadores continuassem no time, mas isso é praticamente impossível.”

Ramos ausente: “Tiramos o máximo de proveito dele não estar jogando, não é uma conclusão minha se Madrid decidiu ou não forçar o cartão.”

Anúncios