Cristo marca, Castilla vence Guijuelo e assume coliderança do grupo

1-0

Jogando em casa o Real Madrid Castilla venceu o Guijuelo por 1 a 0 com gol de Cristó. A equipe de Manolo Díaz assumiu então a coliderança do Grupo I junto com Sanse, Fuenlabrada e Ponferradina.

A equipe vinha de um empate em 3 a 3 com Salmantino fora de casa e somou três importantes pontos para dividir a liderança do grupo. O próximo desafio será no sábado, 1, contra a equipe B do Deportivo La Caroña, o Deportivo Fabril, fora de casa.

Um jogo intenso com poucas chances aproveitadas

Cantera_355978435_107320918_1706x1280
Felipe Ramos, goleiro adversário, viveu grande noite no Alfredo Di Stéfano, atrapalhando a vida do Real Madrid. (Foto: Reprodução/ Real Madrid C.F.)

A cantera começou pressionando os visitantes, buscando com intensidade os três pontos necessários para igualar os adversários na classificação. Domínio absoluto da equipe na primeira etapa, aos 15 minutos uma troca de passes entre Franchu (Francisco Feuillassier) e Cristo quase resultou em gol. No fim da primeira etapa a equipe visitante já havia equilibrado o jogo e levado perigo ao gol de Luca.

Em grande noite, o goleiro Felipe Ramos, do Guijuelo, fez ótimas defesas e intervenções durante a partida, evitando ao máximo o gol merengue. Mas, aguá mole e pedra dura… após tanta insistência, em mais uma dobradinha de Franchu e Cristo, a bola sobrou para o espanhol marcar aos 66 minutos e colocar o Madrid na frente e definir o placar após muita insistência.

ficha_castilla-01

Real Madrid Castilla 1×0 Club Deportivo Guijuelo
LOCAL: Estádio Alfredo Di Stéfano (Madrid, ESP)
DATA: 25 de novembro, domingo
GOLS: Cristo, 66′

RM CASTILLA: Luca; Sergio López, De la Fuente, Manu Hernando; Jaume, Seoane (61′ Augusto), Fidalgo; De Frutos (65′ Alberto), Cristo e Franchu (88′ Zabarte).
Técnico: Manolo Díaz.

GUIJUELO: Felipe Ramos; Iván Pérez, Carmona, Jesús, Jonathan (61′ Javier); Carlos Rubén, Julián Luque, Juanra; Raúl, Pablo Pallarés e Nacho.
Técnico: Jordi Fabregat.

Foto em destaque: AGENCIA/EFE.